N E T S O U R C E

Carregando

metodologia agil

A busca por práticas mais eficientes para a gestão de projetos é constante nas empresas e, neste sentido, a metodologia ágil está no topo das tendências.

A crescente popularidade desse recurso é devido, principalmente, ao cenário atual de  inovações.

Então, quer saber mais sobre esse assunto e como aplicar no seu negócio? Continue a leitura!

O que é metodologia ágil?

Em 2001, um grupo de desenvolvedores insatisfeitos com projetos demorados e pouco produtivos, se reuniu para discutir maneiras mais eficientes, flexíveis e rápidas de desenvolver sistemas.

Assim nasceu a metodologia ágil, que estabeleceu 12 princípios, além de 4 valores em seu manifesto. São eles:

  • Indivíduos e interações acima de processos e ferramentas;
  • Software funcionando acima de vasta documentação;
  • Colaboração com o cliente acima de negociação de contratos;
  • Responder a mudanças mais do que seguir um plano.

Este sistema é um conjunto de práticas e técnicas que tem o objetivo de gerenciar projetos de forma mais eficiente.

A princípio, os projetos são divididos em ciclos curtos em que um conjunto de funções é entregue a cada novo ciclo. Dessa forma, são realizadas entregas mais rápidas e frequentes. Isso ajuda as equipes a lidarem com incertezas.

O objetivo inicial era agilizar o desenvolvimento de sistemas, mas, com o tempo, diversas outras áreas perceberam os benefícios em seus processos e passaram a utilizá-la.

Diferenças entre as metodologias ágeis e as tradicionais

As diferenças são várias, mas vamos listar algumas das maiores vantagens na utilização da metodologia ágil.

  • Divisão do projeto em ciclos

Com entregas constantes é possível encurtar o tempo total dos projetos em qualquer área. Ao passo que cada ciclo entregue possibilita ao cliente observar os resultados e dar seu feedback ao longo do processo, não somente no final.

  • Transparência e qualidade

A divisão do projeto em fases permite uma visão mais clara do andamento de cada estágio. Em cada uma delas o produto é testado e pode ser aprimorado. Dessa forma, a versão final é muito mais assertiva.

  • Flexibilidade

Na metodologia ágil os projetos estão sempre abertos à mudanças. Já com as tradicionais, procuramos evitar as alterações para não comprometer os prazos e orçamentos.

Desse modo, são permitidas correções ao longo do projeto e maior valor na entrega final.

  • Colaboração

A participação de clientes e colaboradores em todas as fases do projeto é mais um diferencial importante na metodologia ágil. Igualmente, as equipes trabalham em conjunto na busca de soluções e do melhor resultado final.

Conclusão

Enfim, agora já sabemos quais são os benefícios e princípios da metodologia ágil.

Para gerenciar um projeto é preciso, acima de tudo, escolher a melhor metodologia de acordo com a realidade da sua empresa e do projeto.

Este post foi feito para a NetSource pela A&P Web

Posts Relacionados